Oficina: Desmistificando os Ciclos Femininos

Há milênios, a menstruação é vista como um perigo e, cada sociedade encontrou uma forma de ocultar este processo e submeter os corpos que menstruam.. No entanto, isso nem sempre foi assim: diversas culturas matriarcais que celebravam o sangue mensal como um símbolo de vida e poder.

Apesar das mensagens contraditórias, no século XXI vemos surgir um movimento de valorização dos ciclos menstruais, seja por seus poderes espirituais, seja por sua simbologia política ou por seu potencial de indicar a boa saúde de uma pessoa. A afirmação de que os ciclos menstruais vão muito além da capacidade reprodutiva é de suma importância para entender a complexidade de ciclar.

Nesta oficina, faremos um rápido sobrevoo na história cultural da menstruação para então nos aprofundarmos em como os nossos ciclos de fato funcionam. Iremos abordar a fisiologia feminina de forma leve e solucionar de vez aquelas dúvidas que nos rondam: o que é ovulação? quando é o período fértil? a mulher está fértil todos os dias? o ciclo precisa ter 28 dias? é possível engravidar menstruada? Para finalizar a conversa, faremos uma breve apresentação do método de percepção de fertilidade e de como ele pode ser usado para contracepção, concepção e autoconhecimento.

Programação:
14h às 15h30 Aula de Yoga para Saúde do Útero
15h30 Chá
16h às 17h30 Oficina: Desmistificando os Ciclos Femininos

O que?
Encontro Especial: O Florescer da Sabedoria do Feminino – Um diálogo sobre a saúde da mulher, seus ciclos e suas fases.
Um compartilhar de experiências para o despertar da saúde da Mulher a partir do conhecimento do seu ciclo menstrual, suas fases e métodos de contracepção e concepção.

Quando?
Dia 18 de Outubro, das 14h às 17h30

Onde?
Namaskara. Rua Guararapes, 1322 – Brooklin – São Paulo SP

Valores:
R$190
R$170 Alunos Namaskara

Para se inscrever basta enviar um e-mail para atendimento@namaskara.com.br solicitando os dados para sua inscrição!

Sobre Carolina Fischmann:

Em 2015, parei de tomar a pílula e pela necessidade de entender o que estava acontecendo com meu corpo, descobri todo um mundo do feminino que eu nem sonhava existir. Foi nesta caminhada que me deparei com o método de percepção de fertilidade e descobri que através da minha própria observação, eu podia reconhecer com precisão os meus dias férteis e, assim, tomar atitudes para atingir ou evitar uma gravidez. Antropóloga, instrutora de percepção de fertilidade e estudante de nutrição, hoje eu me dedico a desmistificar o ciclo menstrual e outros temas ligados ao corpo feminino em oficinas e a atender menstruantes que desejam usar percepção de fertilidade como método contraceptivo, conceptivo ou de autoconhecimento.

Sobre Renata Ventura:

Renata iniciou no yoga em 1999, logo apaixonou-se pela filosofia do Yoga e reconheceu que este seria seu caminho de auto-conhecimento.
Formada em Relações Internacionais pela PUC-SP , cursou Ciências Sociais na USP -SP e fez extensão universitária em Management and Leadership Skills na UCSD – CA.
Morando na Califórnia teve a oportunidade de mergulhar no yoga e após praticar diversas técnicas, já de volta ao Brasil, fez o curso de formação em Iyengar Yoga de Kalidas Nuyken e hoje é professora certificada nível Sênior Intermediário II pelo Ramamani Iyengar Memorial Yoga Institute (RIMYI) em Pune, India.
Além disso, é praticante de Bhakti yoga e terapeuta Ayurvédica. Participou do curso de Ayurveda para Mulheres conferido por R. Svoboda. Entre suas prioridades, está o estudo das práticas adequadas para as mulheres em cada fase da suas vidas.

Aulas de Iyengar e Ashtanga Yoga, Retiros, Workshops, Formação em Yoga, Meditação, Filosofia, Sânscrito.